Como ensinar truques a hamsters

Como ensinar truques a hamsters

Os hamsters são aqueles roedores que, por muito que uma pessoa não goste de ratos, não consegue deixar de achar este animal um ser “querido” e “fofinho”. Este facto e o pouco espaço que ocupam comparando com um cão ou um gato faz com que sejam soluções bastante práticas para lares com pouco espaço.

E ao contrário que muitos possam pensar, é perfeitamente possível ensinar truques a hamsters. Aliás, até é bem mais fácil do que se possa acreditar, e o método é extremamente semelhante a um método muito conhecido utilizado em cães: o da recompensa.

O que faremos na continuação é dizer o que se deve fazer para ensinar truques aos nossos hamsters. Depois de alguma insistência certamente que conseguirás fazer do teu hamster um verdadeiro artista de circo.

Ligação entre hamster e dono

Uma coisa é certa: para que qualquer animal faça o que nós queremos primeiramente é necessário que o animal confie em nós e que haja uma ligação entre animal e dono. E com os hamsters isto não é excepção alguma. É importante que o hamster nos conheça bem e tenha confiança em nós, para que saiba que nós gostamos muito dele e não o queremos magoar.

Normalmente a pessoa que brinca mais com o hamster, dá-lhe de comer e beber e ainda trata da higiene da sua gaiola rapidamente ganha a confiança de um hamster. Pelo contrário, uma pessoa que só lhe dá atenção uma vez por semana provavelmente nunca irá conseguirá ensinar nada.

Truques realistas

Tendo uma ligação já com o hamster é o quanto basta para tentarmos ensinar-lhe algo. Mas não pode ser algo extremamente difícil ou praticamente impossível. É importante que optemos por um truque fácil especialmente se for o primeiro truque, isto porque depois de ensinar o primeiro truque facilmente conseguimos ensinar mais, desde que os saibamos distinguir aquando ditamos ordens.

Truques como levantar em duas patas ou chamá-lo para vir ter connosco são truques, simples, fáceis de ensinar e perfeitamente fazíveis por hamsters. Um truque como subir para o segundo andar (caso seja desse tipo de gaiolas) já é um truque mais difícil. Apesar de ser possível, dará mais trabalho de ensinar e será muito difícil de conseguir ensinar se for o primeiro truque.

Método de ensino: associação e recompensa

O método é relativamente simples e apenas requer que seja praticado com frequência. Vamos dar o exemplo de chamá-lo até nós. Para isto precisamos de ter connosco algum tipo de guloseima ou comida que sirva de recompensa e conceber um sinal. Este sinal pode ser uma simples ordem como “vem” ou “anda cá”.

Para o ensinar a vir ter connosco, devemos acenar-lhe com a dita guloseima ou mesmo tempo que dizemos “anda cá”. No final caso ele venha, utilizamos o “clicker”, um objecto bastante comum para treinar animais.

Repetimos este processo algumas vezes para que ele associe o comando “anda cá” ou o som do “clicker” a esta acção, e mais cedo ou mais tarde deixamos de ter a necessidade de utilizar a recompensa e até mesmo o dito “clicker”, bastando dizer “vem cá”.

É importante para ensinar que haja prática todos os dias. Por norma ele aprende rapidamente, mas dificilmente será de um dia para o outro. E após ele já souber o truque é também importante que pratiquemos todos os dias. Basta dar a ordem uma ou duas vezes para que ele não se esqueça.

Compártelo en tu red social:
Más en Animais - Hamsters:
Aviso legal Contacto Google+ Facebook